Posts

Voar sobre Miami: passeio permite que você veja a cidade sob uma perspectiva única

Voar sobre Miami é uma forma totalmente diferente de ver a cidade em terra firme. Confira diferentes modalidades de passeios e escolha o que mais te agrada!

Qualquer um que vem para Miami pode conhecer locais icônicos como o litoral de South Beach, a Ocean Drive e os canais da cidade vizinha, Fort Lauderdale. Contudo, poucas pessoas optam por sobrevoar a cidade e ter uma experiência única.

Normalmente, este tour é popular em locais com grandes belezas naturais, como o Grand Canyon. Porém, algumas cidades também têm seu charme quando vistas de cima – é o caso de Miami, cujas praias e ruas ficam ainda mais incríveis quando do alto.

Interessou? Saiba que há várias empresas turísticas especializadas em voos sobre a cidade, oferecendo passeios de vários tipos, para que você escolha o que oferece exatamente o que você procura. Confira, neste post, algumas informações importantes sobre os voar em Miami, como reservar e como escolher:

Quais são as principais opções de voos sobre Miami?

Apesar da quantidade de empresas que oferecem o serviço, alguns aspectos dos voos sobre Miami são quase sempre os mesmos. Um deles é a duração: todos giram ao redor de 40 a 60 minutos. Do mesmo modo, todos eles voam mais baixo que as aeronaves comerciais, permitindo ver os pontos mais icônicos da cidade em detalhes.

Além disso, as aeronaves são projetadas para que o turista desfrute ao máximo da experiência. Elas têm janelas grandes, para que o passageiro aprecie mais a vista, e fones de ouvido, para que o piloto faça observações e indiquem o que os passageiros estão vendo.

voar sobre miami

Apesar disso, há algumas variáveis nos voos que merecem a sua atenção.

Voar sobre Miami durante o pôr do sol

Já pensou em ver o sol se pôr sobre o mar impecável de Miami, de uma posição privilegiada e tirando fotos únicas? Isto é possível: há empresas que oferecem este tipo de tour aéreo. Ele decola em horário estratégico, para que os passageiros estejam em uma região adequada para apreciar o pôr do sol nas incríveis praias da Flórida do alto.

Atenção: devido às alterações na duração do dia ao longo do ano, os horários de decolagem variam. O passageiro deve estar no local na hora indicada pela empresa que lhe vendeu o passeio.

Do mesmo modo, é preciso ter em mente que este é um passeio especializado, que não é operado por todas as empresas. Portanto, espere pagar um valor mais alto em comparação com o de um voo regular.

Voos privados e coletivos

Do mesmo modo, o passageiro pode optar por ter a aeronave completamente para ele ou para seus acompanhantes. Mas, esteja preparado: isto tem seu preço! Um voo privado pode custar o dobro de um voo compartilhado com outras pessoas.

Caso você opte por um passeio compartilhado, tenha em mente que a empresa se reserva o direito de ter um mínimo de pessoas para que a decolagem realmente aconteça. Para evitar contratempos, pergunte a respeito disso no ato da reserva. Condições metereológicas desfavoráveis também podem causar o cancelamento, por motivos de segurança.

Passeios de helicóptero

Além de aviões, há empresas que operam voos sobre Miami de helicóptero. Contudo, esta opção tem sido cada vez menos escolhida pelos turistas: os aviões, mais espaçosos, estáveis e menos barulhentos, são uma opção muito mais confortável.

voar de helicoptero em miami

De onde saem estes passeios?

Apesar de também serem operados em aviões, os voos turísticos sobre Miami não decolam do Aeroporto Internacional de Miami, pelo qual os turistas costumam chegar: estes passeios costumam sair de aeroportos menores, principalmente o North Perry Airport.

Fique atento: alguns passeios incluem transporte até o local e outros não. Alguns, ainda, o fazem mediante uma taxa adicional. Você pode, ainda, contratar previamente uma empresa especializada em traslados em Miami para te levar ao ponto de encontro.

Quanto custa voar sobre Miami?

O preço de um voo em Miami depende de vários fatores: passeios na alta temporada costumam ser mais caros que em baixa, um voo compartilhado é mais barato que um voo privado e passeios específicos (como um ao pôr do sol) são mais caros que os generalistas, que simplesmente sobrevoam a cidade. De modo geral, os preços ficam entre 80 e 160 dólares por pessoa.

Tenha em mente que há várias empresas que oferecem o serviço. Portanto, pesquise e negocie sempre!

Quais cuidados tomar ao reservar?

Para evitar contratempos e não arriscar sua segurança, não reserve um passeio antes de pesquisar a respeito das empresas que oferecem o serviço. Procure fotos das aeronaves, veja seu estado e, se puder, converse com pessoas que fizeram o passeio antes de você.

Além disso, fique atento às condições climáticas: caso elas não sejam favoráveis, a empresa tem o direito de cancelá-lo. Neste caso, é bom conhecer as condições de cancelamento antes de fazer a reserva.

Please rate this

O que você precisa saber ao chegar no aeroporto de Miami

Dicas de como proceder na imigração e como fazer o traslado do aeroporto até a cidade de Miami

O Aeroporto Internacional de Miami (MIA) é o principal meio de chegada de turistas brasileiros que viajam para conhecer a célebre cidade da Flórida. Recebe uma grande parcela de voos que partem da América Latina e do Caribe, e dele decolam aviões para cerca de 140 destinos nacionais e internacionais. De acordo com os dados mais recentes da ACI Monthly Traffic, foi o 29º aeroporto com mais movimento no mundo todo: um total de 40,9 milhões de passageiros em 2014.

aa-mia-25-aniversario2

Trata-se de um aeroporto moderno, bem estruturado, localizado a 12km de Downtown Miami e a 16km de South Beach, ou seja, bem próximo da cidade. Contém mais de 120 pontos de embarque divididos em 6 terminais onde se espalha uma variedade de lojas, restaurantes, serviços e locadoras de carros.

Para facilitar a sua chegada, neste post trataremos sobre o que se deve fazer ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Miami, e também dar dicas de onde se alimentar e de como se locomover para o hotel ou outro destino.

Resolvendo prioridades: imigração

O processo de imigração, sobretudo nos EUA onde há grande preocupação com problemas de terrorismo, exige paciência e calma. Mas é possível agilizar essa etapa. Pode parecer “bobagem”,  mas uma dica é, no momento em que for comprar a passagem, escolher o assento mais próximo possível da saída do avião. A verdade é que o intervalo entre a primeira e a última pessoa a desembarcar pode, em alguns casos, chegar a trinta minutos. E nesse tempo todo as filas nos guichês de imigração podem aumentar muito.

Quando o avião aterrissar, cada família de passageiros (o mesmo serve para quem está sozinho) deverá preencher, ainda dentro da aeronave, um formulário. Depois disso, desembarque e siga até o Monorail, um pequeno trem que leva ao terminal onde a imigração está localizada. Mas o aeroporto é grande. No trajeto até a imigração há várias esteiras rolantes que facilitam a sua locomoção. Use-as para chegar mais rápido caso não queira esperar muito na fila. Certifique-se também de estar com toda a documentação preparada e preenchida.   

aeroporto-miami-imigracao

Dependendo da movimentação do aeroporto, pode haver fila única para acessar os guichês, ou então filas separadas para cada um deles. No segundo caso, procure entrar na fila que tenha mais famílias, com mais crianças, pois o processo desses grupos costuma ser rápido. Quando chegar a sua vez, responda as perguntas do agente de imigração de forma mais objetiva possível. Não há necessidade de dar grandes explicações. Em geral, as perguntas são sobre o motivo da viagem, tempo de estadia e quais cidades irá visitar.

O que fazer no Aeroporto Internacional de Miami

Mas se você não tem tanta pressa em ir para o hotel, dentro do Aeroporto Internacional de Miami você pode aproveitar desde salões de beleza, farmácias, lojas, bares e restaurantes 24 horas até uma galeria de arte. Mas se estiver muito cansado depois de horas de voo, poderá até mesmo se hospedar no hotel localizado no próprio aeroporto.

Como a maioria dos turistas brasileiros vem à cidade com a intenção de fazer compras em Miami, já de chegada você se depara com preços incríveis no Dutty Free, além de lojas de grandes marcas como Hugo Boss e Emporio Armani, a loja do Miami HEAT (time da NBA) e muitas outras.

o-que-fazer-no-aeroporto-de-miami

Para matar a fome e já entrar no clima da alimentação estilo americano, no aeroporto você vai encontrar mais de 20 restaurantes, entre eles o Burger King, Pizza Hut, Starbucks, Subway e Dunkin Donuts. Mas se prefere experimentar um sabor mais característico ainda da cidade, vá ao Café Versailles, um restaurante especializado em culinária cubana. O carro-chefe do estabelecimento é um generoso sanduíche cubano recheado com queijo, presunto, carne de porco e picles por U$ 6,50.

Transporte entre o Aeroporto e a cidade de Miami

Na hora de sair do aeroporto para o seu destino (seja o hotel ou outro qualquer) existem diferentes opções de transporte. Caso você queira alugar um carro, no aeroporto há um setor chamado Rental Car Center que reúne 16 locadoras. No lado de fora, o turista vai encontrar transporte público, taxi e shuttle (serviço de transporte compartilhado).

Mas se você é daqueles que prefere não se preocupar em dirigir em uma cidade que não conhece, ou não quer correr o risco de demorar para encontrar ou até mesmo se perder usando outra forma de transporte, existem empresas especializadas em transfer em Miami, como a Eagle Tour que é administrada por brasileiros e especializada em transporte de turistas do nosso país. Seus motoristas são brasileiros e, além de conhecer Miami como a palma da mão, podem ajudar com as traduções na recepção do aeroporto, no check-in em hotéis ou outras orientações que você precisar.

Please rate this

Veja dicas de hotéis em Miami e evite alugueis temporarios como Airbnb

No início de setembro, as autoridades de Miami Beach declararam guerra a empresas e proprietários que promovem o aluguel temporário de casas, como o site Airbnb. Alugar propriedades por menos de seis meses e um dia é proibido em boa parte da região, que tem praias belíssimas. Durante a fiscalização da polícia, usuários chegaram a ser desalojados dos lugares alugados pelos sites.

Para evitar dores de cabeça, a melhor opção é optar pelo formato de hospedagem mais tradicional. A seguir, confira algumas dicas para escolher hotéis em Miami.

Onde ficar em Miami

O primeiro passo antes de escolher o hotel é optar por uma das regiões da cidade. Ela é dividida em duas partes: a continental, onde fica a cidade, e a ilha de Miami Beach. Na parte continental, você encontra boa parte do comércio e os principais pontos turísticos, com destaque para Downtown Miami, Brickell e Wynwood.

mandarin-oriental-miami

Para quem visita a Miami pela primeira vez, essa pode ser uma excelente opção para conhecê-la melhor. O Red Roof e Clarion Inn são ótimas opções para quem busca um hotel em Miami. A região continental ainda tem vários hotéis de grandes redes, como Four Seasons, Hyatt, Hilton, e Holiday Inn, ideais para quem viaja a trabalho.

Onde ficar em Miami Beach

Considerada uma pequena Manhattan da Flórida, a ilha tem opções para todos os gostos: há praias badaladas, paradisíacas e perfeitas para relaxar. Os hotéis tendem a ser um pouco mais caros, ainda assim é possível encontrar excelentes opções próximas à praia. Confira algumas opções de onde ficar em Miami Beach aqui.

hotel-fontainebleau-miami-beach-resort

Hotéis em Miami para quem busca luxo

Capital das compras e dos outlets, Miami também é conhecida por seus hotéis superluxuosos. Destaque para o Edgewater South Beach, hotel boutique com apenas 45 suites de frente para o mar. Veja mais opções de hotéis em Miami aqui.

Please rate this

Diversão de sobra em Miami

Miami é cheia de atrações. Saiba mais sobre os melhores passeios de Miami.

Um dos lugares mais visitados do mundo é a cidade de Miami, na Flórida. Compras, praia e muita diversão fazem deste local um dos pontos turísticos mais badalados dos últimos tempos. A infinidade de coisas oferecidas aos turistas deixa até os mais veteranos indecisos na hora de decidir os passeios dessa viagem.

MIAMI SEAQUARIUM

Portanto, quem vai a Miami quer se divertir pra valer e nada melhor do que conhecer seus parques temáticos. Por isso, para aqueles que curtem os segredos do fundo do mar, a aposta certeira é ir ao Seaquarium, onde há apresentações de leões-marinhos, orcas e, claro, golfinhos. O valor da entrada está em torno de cem dólares para adulto e oitenta dólares para criança e dá direito a cinco horas de muita diversão.

Já aos que preferem ver bichos mais selvagens, o lugar ideal para visitar é o Jungle Island, que tem várias atrações surpreendentes, dentre elas o show das aves adestradas. Para ter direto a cinco horas de aventura nesse parque, o turista deverá desembolsar por volta de oitenta e cinco dólares se for adulto e sessenta e cinco se for criança.

Fonte: http://www.jungleisland.com/public/education/camp.cfm

Fonte: http://www.jungleisland.com/public/education/camp.cfm

Caso a ideia seja voltar a ser criança, o turista não poderá sair de Miami sem conhecer o Arcade Odyssey, que é um misto de música, fliperama, shows, bebidas e luzes. Aberto a todas as idades, não paga nada pra entrar, apenas para brincar em cada jogo disponível no local.

Saindo da nostalgia e indo direto ao futuro, um excelente lugar para participar de perto de um game é indo ao The Under Cover Unit. Para quem adora zumbi e muita ação, este parque é um prato cheio com direito a sobremesa. Uma aventura como essa sai em média quarenta dólares e pode ser comprada com antecedência pelo site.

Se você está viajando para Miami entre em contato com a Eagle Tours e garanta transporte do seu hotel para os passeios de Miami e aproveite ao máximo sua viagem.

Please rate this