Posts

O que você precisa saber ao chegar no aeroporto de Miami

Dicas de como proceder na imigração e como fazer o traslado do aeroporto até a cidade de Miami

O Aeroporto Internacional de Miami (MIA) é o principal meio de chegada de turistas brasileiros que viajam para conhecer a célebre cidade da Flórida. Recebe uma grande parcela de voos que partem da América Latina e do Caribe, e dele decolam aviões para cerca de 140 destinos nacionais e internacionais. De acordo com os dados mais recentes da ACI Monthly Traffic, foi o 29º aeroporto com mais movimento no mundo todo: um total de 40,9 milhões de passageiros em 2014.

aa-mia-25-aniversario2

Trata-se de um aeroporto moderno, bem estruturado, localizado a 12km de Downtown Miami e a 16km de South Beach, ou seja, bem próximo da cidade. Contém mais de 120 pontos de embarque divididos em 6 terminais onde se espalha uma variedade de lojas, restaurantes, serviços e locadoras de carros.

Para facilitar a sua chegada, neste post trataremos sobre o que se deve fazer ao desembarcar no Aeroporto Internacional de Miami, e também dar dicas de onde se alimentar e de como se locomover para o hotel ou outro destino.

Resolvendo prioridades: imigração

O processo de imigração, sobretudo nos EUA onde há grande preocupação com problemas de terrorismo, exige paciência e calma. Mas é possível agilizar essa etapa. Pode parecer “bobagem”,  mas uma dica é, no momento em que for comprar a passagem, escolher o assento mais próximo possível da saída do avião. A verdade é que o intervalo entre a primeira e a última pessoa a desembarcar pode, em alguns casos, chegar a trinta minutos. E nesse tempo todo as filas nos guichês de imigração podem aumentar muito.

Quando o avião aterrissar, cada família de passageiros (o mesmo serve para quem está sozinho) deverá preencher, ainda dentro da aeronave, um formulário. Depois disso, desembarque e siga até o Monorail, um pequeno trem que leva ao terminal onde a imigração está localizada. Mas o aeroporto é grande. No trajeto até a imigração há várias esteiras rolantes que facilitam a sua locomoção. Use-as para chegar mais rápido caso não queira esperar muito na fila. Certifique-se também de estar com toda a documentação preparada e preenchida.   

aeroporto-miami-imigracao

Dependendo da movimentação do aeroporto, pode haver fila única para acessar os guichês, ou então filas separadas para cada um deles. No segundo caso, procure entrar na fila que tenha mais famílias, com mais crianças, pois o processo desses grupos costuma ser rápido. Quando chegar a sua vez, responda as perguntas do agente de imigração de forma mais objetiva possível. Não há necessidade de dar grandes explicações. Em geral, as perguntas são sobre o motivo da viagem, tempo de estadia e quais cidades irá visitar.

O que fazer no Aeroporto Internacional de Miami

Mas se você não tem tanta pressa em ir para o hotel, dentro do Aeroporto Internacional de Miami você pode aproveitar desde salões de beleza, farmácias, lojas, bares e restaurantes 24 horas até uma galeria de arte. Mas se estiver muito cansado depois de horas de voo, poderá até mesmo se hospedar no hotel localizado no próprio aeroporto.

Como a maioria dos turistas brasileiros vem à cidade com a intenção de fazer compras em Miami, já de chegada você se depara com preços incríveis no Dutty Free, além de lojas de grandes marcas como Hugo Boss e Emporio Armani, a loja do Miami HEAT (time da NBA) e muitas outras.

o-que-fazer-no-aeroporto-de-miami

Para matar a fome e já entrar no clima da alimentação estilo americano, no aeroporto você vai encontrar mais de 20 restaurantes, entre eles o Burger King, Pizza Hut, Starbucks, Subway e Dunkin Donuts. Mas se prefere experimentar um sabor mais característico ainda da cidade, vá ao Café Versailles, um restaurante especializado em culinária cubana. O carro-chefe do estabelecimento é um generoso sanduíche cubano recheado com queijo, presunto, carne de porco e picles por U$ 6,50.

Transporte entre o Aeroporto e a cidade de Miami

Na hora de sair do aeroporto para o seu destino (seja o hotel ou outro qualquer) existem diferentes opções de transporte. Caso você queira alugar um carro, no aeroporto há um setor chamado Rental Car Center que reúne 16 locadoras. No lado de fora, o turista vai encontrar transporte público, taxi e shuttle (serviço de transporte compartilhado).

Mas se você é daqueles que prefere não se preocupar em dirigir em uma cidade que não conhece, ou não quer correr o risco de demorar para encontrar ou até mesmo se perder usando outra forma de transporte, existem empresas especializadas em transfer em Miami, como a Eagle Tour que é administrada por brasileiros e especializada em transporte de turistas do nosso país. Seus motoristas são brasileiros e, além de conhecer Miami como a palma da mão, podem ajudar com as traduções na recepção do aeroporto, no check-in em hotéis ou outras orientações que você precisar.